Ignição e combustíveis para churrasqueiras e lareiras

Ignição e combustíveis para churrasqueiras e lareiras

Fazer uma boa fogueira depende em grande medida de duas coisas: a qualidade do combustível que se utiliza e uma boa ignição, sobretudo para não estar o tempo todo tentando que prenda. Como existem diferentes métodos e produtos para acender uma churrasqueira, nos pareceu uma boa ideia dedicar um artigo a este tema. Assim, da próxima vez que você quiser acender a fogueira, saberá qual opção é a que mais lhe interessa.

A seleção da HotFireDoor de acendedores e combustíveis

Pastilhas de acendimento

As pastilhas de acendimento são possivelmente as mais conhecidas. São fabricadas em diferentes materiais, como a fibra de madeira reciclada ou derivados do petróleo. O processo, em qualquer caso, é o mesmo.

É preciso colocar a lenha ou o carvão de forma adequada, pegar uma pastilha e acender uma das bordas. Antes que acenda totalmente, com cuidado porque é rápido, colocamos a pastilha entre a lenha para que o calor que desprende facilite que a chama se espalhe. Em caso de fogueiras grandes, pode ser necessário mais de uma pastilha.

Algumas pastilhas não precisam de fósforos ou isqueiro, porque têm uma cabeça de fósforo que acende como um fósforo normal, esfregando a borda da caixa.

Líquido inflamável

Os líquidos de acendimento são parecidos com o álcool, embora algo diferentes tanto em sua composição quanto em outras características. Embora se possa usar álcool como líquido de acendimento, é melhor usar um líquido desenvolvido especificamente para isso. A forma de fazê-lo é regar com um bom jato o combustível e acender como fazemos normalmente. Cuidado porque pode saltar uma chama.

combustível para churrasco,lareira acesa,combustível ou ignição

 

Gel de acendimento

Similar ao líquido, o gel de acendimento é utilizado quase da mesma forma. É aplicado em parte do combustível com o qual se inicia o fogo e uma pequena chama faz com que acenda. O melhor deste é que não exala odores, assim como não faz o líquido.

TAMBIÉN TE PUEDE INTERESAR:
Como economizar energia com uma lareira

Outros métodos

Existem outros métodos para iniciar um fogo, como os briquetes, que vêm em um saco e a única coisa que se tem que fazer é acender as bordas, deixando entre 20 e 30 minutos para que se formem as brasas. O normal é usá-los para churrasco, não para uma lareira, porque neste caso a ideia não é manter o fogo aceso.

combustível para churrasco,lareira acesa,combustível ou ignição

Também há a clássica bola de papel acesa com um fósforo ou um fogo. Embora neste caso seja preciso ter bastante cuidado e nem sempre acende na primeira tentativa.

combustível para churrasco,lareira acesa,combustível ou ignição

Qual é o melhor sistema?

O líquido e o gel são os mais rápidos e os que dão melhor resultado. Nunca falham e garantem um fogo em poucos minutos. Embora não sejam baratos em comparação com outros métodos, além de que é necessária uma quantidade maior de produto do que com pastilhas, por exemplo.

De qualquer forma, existem muitas opções para acender um fogo na sua lareira ou churrasqueira. Dependendo da época do ano em que você estiver, certamente preferirá usar um ou outro. De que forma você normalmente acende seus fogos?

como hacer fuego barbacoa estilo pira vikinga

Acendimentos

Iniciadores de fogo

Os iniciadores de fogo são dispositivos ou substâncias projetados para facilitar o processo de acendimento de um fogo, fornecendo uma fonte de calor concentrada e prolongada que facilita a ignição do combustível. Entre os iniciadores de fogo mais comuns, estão:

  • Pastilhas de acendimento: comprimidos de material combustível, como parafina ou derivados do petróleo, que queimam lentamente e facilitam a ignição da lenha ou do carvão.
  • Cavacos de madeira: pequenos pedaços de madeira seca e resinosa que facilitam a combustão inicial.
  • Lã de aço: filamentos de aço que, ao entrar em contato com uma centelha ou uma chama, queimam rapidamente, permitindo acender facilmente a lenha ou o carvão.
TAMBIÉN TE PUEDE INTERESAR:
O que é um limpador de chaminés?

Isqueiros

Os isqueiros são dispositivos portáteis que geram uma chama para acender fogo ou cigarros. Eles costumam funcionar com combustíveis gasosos ou líquidos e podem ser recarregáveis ou descartáveis. Alguns exemplos de isqueiros incluem:

  • Isqueiros de butano: funcionam com gás butano (C4H10), um hidrocarboneto inflamável que é armazenado em estado líquido sob pressão no reservatório do isqueiro e se vaporiza ao sair pelo orifício do acendedor.
  • Isqueiros a gasolina: utilizam gasolina (mistura de hidrocarbonetos) como combustível. A gasolina é armazenada em uma mecha dentro do reservatório do isqueiro e é acesa ao entrar em contato com uma centelha gerada por uma pedra de acendimento.
  • Isqueiros elétricos: geram uma centelha elétrica ou um arco elétrico que acende o combustível.

Fósforos

Fósforos são palitos de madeira, papel ou cartão com uma ponta revestida por uma mistura química que se acende ao ser friccionada contra uma superfície áspera. Existem dois tipos principais de fósforos:

  • Fósforos de segurança: requerem ser friccionados contra uma superfície específica, geralmente presente na própria embalagem, composta por fósforo vermelho (P4) e um agente oxidante (por exemplo, clorato de potássio, KClO3).
  • Fósforos de fricção universal: acendem-se ao serem friccionados contra qualquer superfície áspera, pois a mistura química na ponta contém tanto o fósforo como o agente oxidante.

 

Combustíveis

Madeira

A madeira é um combustível sólido obtido da madeira de árvores e arbustos. É comumente usado em lareiras, fogões e churrasqueiras. A qualidade da madeira depende da espécie da árvore, do conteúdo de umidade e da densidade da madeira. Temos um artigo sobre lenha ou carvão para churrasco que pode ser do seu interesse.

Carvão

O carvão é um combustível sólido de origem fóssil composto principalmente de carbono (C) e pequenas quantidades de outros elementos, como hidrogênio, enxofre, oxigênio e nitrogênio. É usado em churrasqueiras e grelhas devido à sua alta capacidade de calor e longa duração da combustão.

TAMBIÉN TE PUEDE INTERESAR:
Como funciona um exaustor de fumaça para chaminés

Briquetes

Briquetes são blocos compactados de material combustível, geralmente feitos a partir de carvão vegetal triturado, pó de carvão, serragem e outros aditivos aglutinantes. Eles oferecem uma combustão mais uniforme e controlada em comparação com a madeira ou carvão vegetal em pedaços.

Pellets de madeira

Os pellets de madeira são pequenos cilindros de madeira comprimida, feitos a partir de serragem e lascas de madeira sem aditivos químicos. São usados principalmente em fogões a pellets e caldeiras de biomassa para gerar calor. Os pellets têm alto poder calorífico e produzem menos emissões do que a madeira.

Gás natural

O gás natural é um combustível gasoso composto principalmente por metano (CH4) e pequenas quantidades de outros hidrocarbonetos, como etano (C2H6), propano (C3H8) e butano (C4H10). É usado em churrasqueiras e lareiras a gás para gerar calor de maneira rápida e eficiente, com menos emissões poluentes do que os combustíveis sólidos.

Propano

O propano (C3H8) é um hidrocarboneto gasoso armazenado em estado líquido sob pressão. É usado como combustível em churrasqueiras e fogões a gás portáteis devido à sua alta capacidade calorífica e facilidade de transporte em cilindros e tanques.

Biocombustível

O biocombustível é um álcool (etanol, C2H5OH) produzido a partir de fontes biológicas, como a fermentação de açúcares e amidos presentes em culturas como milho, cana-de-açúcar ou beterraba açucareira. É usado em fogões e lareiras de biocombustível devido à sua capacidade de gerar uma chama limpa e sem fumaça, além de ser uma fonte de energia renovável.

Gasolina

A gasolina é um líquido inflamável composto por uma mistura de hidrocarbonetos derivados do petróleo. Embora não seja um combustível comumente usado em churrasqueiras ou lareiras, pode ser usado em certos tipos de isqueiros e como acelerador em situações específicas. No entanto, seu uso nesses contextos pode ser perigoso e geralmente não é recomendado devido à sua alta volatilidade e risco de incêndio.